Baixa e Chiado

O centro de Lisboa

Largo de CamõesA Zona da Baixa e do Chiado é indispensável numa visita a Lisboa e ponto de partida essencial para a descoberta da cidade. O Largo do Camões no topo do Chiado, a Rua Garrett, as Praças da Figueira, do Rossio e dos Restauradores, bem como a Rua Augusta que leva à recentemente reabilitada Praça do Comércio, antigo Paço Real até ao século XVIII e à beira-rio, são artérias fundamentais desta área.

 

 

A Baixa Pombalina no século XVIII

Baixa PombalinaÉ aqui que se pode observar a Baixa Pombalina surgida das ruínas do terramoto de 1755, por muitos considerada a primeira urbanização moderna do mundo, seguindo regras restritas, pragmáticas e onde a simetria e as regras de segurança imperaram. A sua projecção foi impulsionada pelo Marquês de Pombal e por Manuel da Maia, envolvido anteriormente na construção do Aqueduto das Águas Livres, associados a Eugénio dos Santos e Carlos Mardel.

 

Os pontos de interesse no Rossio

Elevador de Santa JustaPontos de interesse nesta zona são o Teatro Nacional D. Maria II na ponta norte da Praça do Rossio, projectado por Francisco Lodi e construído na década de 40 do século XIX sob a antiga sede da Inquisição Portuguesa, a Ópera de S. Carlos, datada do final do século XVIII, o belíssimo Elevador de ferro forjado de Santa Justa que une o Carmo à Baixa, a zona comercial da Rua Augusta, onde o comércio tradicional se conta com as marcas internacionais, a Confeitaria Nacional na Praça da Figueira, os Café Nicola no Rossio, Brasileira no Chiado e Martinho da Arcada na Praça do Comércio.