Monumentos

Monumento aos DescobrimentosLisboa exibe uma enorme coleção de monumentos, o que se explica pela antiguidade da cidade. Desde a conquista do castelo de São Jorge aos mouros, em 1147, que os lisboetas construíram centenas de prédios e estátuas para fins militares, religiosos ou apenas para comemorar eventos históricos. Quando se passeia pelas ruas, percebe-se isso: há abundantes vestígios do passado espalhados por todo o lado. Mesmo o terramoto de 1755, que arrasou a cidade e derrubou muitos edifícios, acabou por motivar a edificação de outras construções que, com o passar dos anos, se transformaram em novos monumentos históricos. Por isso, visitar ou viver em Lisboa, predispõe a conhecer os monumentos que a compõem.

Monumentos em Lisboa

Aqueduto das Águas Livres

O aqueduto das Águas Livres foi construído com o propósito de trazer água à região de Lisboa, a partir da nascente das Águas Livres, em Belas. Foi construído, entre 1732 e 1748, por iniciativa do rei D. João V e projetado pelos arquitetos Manuel da Maia, Custódio Vieira e do húngaro Carlos Mardel. Tanto foi o […]

Ascensor da Bica

O elevador da Bica, inaugurado em 1892, foi o terceiro do seu tipo construído em Lisboa. É uma das principais atrações turísticas da cidade, a par dos elevadores de Santa Justa, da Glória e do Lavra. O ascensor da Bica é composto por duas carruagens, cada uma com três compartimentos desnivelados e de acesso independente, […]

Ascensor do Lavra

O ascensor ou elevador do Lavra é o mais antigo do seu género em Lisboa, ainda em funcionamento (alguns dos primitivos elevadores da cidade já há muito foram desativados). Foi inaugurado em 19 de abril de 1884 e, tal como os ascensores da Glória, da Bica e o elevador de Santa Justa, foi classificado como monumento nacional […]

Casa dos Bicos

A Casa dos Bicos, localizada a oriente da praça do Comércio e voltada para a frente ribeirinha, é um dos mais originais edifícios de Lisboa. Pelo seu nome singular, mas também por uma fachada revestida de 1.125 pedras em forma de bico (ou diamante). Alberga a sede da fundação José Saramago, o prémio Nobel português da […]

Castelo de São Jorge

O Castelo de São Jorge foi construído numa das mais altas colinas de Lisboa, 111 metros acima do mar. Por isso, toda a paisagem que o circunda é magnífica, avistando-se desde o estuário do Tejo até à zona oriental da cidade. A sua dedicação a São Jorge resulta do facto deste ser o santo padroeiro […]

Castelo dos Mouros

O castelo de Sintra, também conhecido como o castelo dos Mouros, ergue-se num dos cumes da serra de Sintra, de onde a vista se estende do oceano Atlântico até ao palácio de Mafra. A primitiva fortificação do penedo remonta aos séculos VIII e IX e deve-se aos muçulmanos, que então ocupavam a região. Com a […]

Chafariz da Esperança

Localizado actualmente na Avenida Dom Carlos I e integrado na bonita freguesia de Santos-o-Velho, este Chafariz público é um dos mais belos de Lisboa. Foi classificado como Monumento Nacional em Junho de 1910, ainda no tempo da Monarquia. Obra Bela mas sobretudo Útil O desenho original do Chafariz da Esperança, assim chamado por se localizar […]

Cordoaria Nacional

A antiga Real Fábrica da Cordoaria da Junqueira, mais conhecida pela designação de Cordoaria Nacional, é um edifício de arquitectura civil construído como fábrica de cordames, velas e bandeiras para as embarcações marítimas, actualmente também Núcleo do Museu da Marinha e espaço recuperado de cultura onde se desenrolam diversas iniciativas, como exposições e todo o […]

Elevador da Glória

O elevador da Glória foi inaugurado em 24 de outubro de 1885 e é monumento nacional desde 2002. Foi o segundo do seu tipo implementado em Lisboa, depois do ascensor do Lavra e antes do ascensor da Bica e do elevador de Santa Justa. Foi construído pelo engenheiro português de origem francesa Raoul Mesnier de Ponsard, que […]

Elevador de Santa Justa

O elevador de Santa Justa, também conhecido como elevador do Carmo, foi inaugurado em julho de 1902. O projeto é de Raoul Mesnier du Ponsard, um natural do Porto de ascendência francesa. Este engenheiro estudou em França e foi contemporâneo de Gustave Eiffel, o grande mestre da arquitetura do ferro caraterística da revolução industrial. O elevador […]